quarta-feira, 27 de junho de 2012

Carpe Diem - aproveite o momento.

Esse ano festejei o solstício (21.06.12) em casa, com um casal de amigos... o dia foi super quente e nada melhor que saladas com frutas, para dar a um jantar aquele clima de "Noites de Verão no Caribe".  Servi salmão ao forno, com salada de pepino e frutas diversas. Tudo muito simples de fazer e super leve. 

Encontrei essa pedra no jardim com um furo no meio e amarrei o A=AMOR P=PAZ com laços de couro. No meio da escultura de gesso, acendi uma vela e essa foi toda a decoração da festa. Cheguei em casa super tarde e teria sido impossível inventar muito... mas o prazer de receber e estar com amigos, sempre é maior do que qualquer outra coisa :-) 
E o chega e sai no verão continua... acho que esses dias consegui bater o recorde da cozinheira ao minuto mais rápida da Suíça. Essa salada de tomate com queijo feta e kiwi ficou perfeita! 
As rosas se foram... mas, olhem só quem veio para ficar até o fim do verão...  
...minha varanda está repleta de flores ;-)
Salada de atum com alcachofras - cozinha a jato - aprovadíssima!
"I wish you bluebirds in the spring, to give your heart a song to sing,
And then a kiss, but more than this, I wish you love.
And if you like lemonade to cool you in some lazy glade,
I wish you health, and more than wealth, I wish you love.
My breaking heart and I agree that you and I could never be,
So with my best, my very best, I set you free.
I wish you shelter from the storm, a cozy fire to keep you warm,
Most of all, when snowflakes fall, I wish you love."
--Carpe Diem--


quarta-feira, 20 de junho de 2012

Encontros, um presente para alma!

Os dias de sol na terra dos alpes, nos proporcionam momentos inesquecíveis entre amigos, festas, espontaneidade...  Todos sentem a mesma necessidade de compartilhar essa alegria e no final, o que fica, é o carinho demostrado. Sempre há um motivo para um encontro e acho que me tornei uma grande "especialista em generalidades" - conhecer gente nova "sempre vale a pena, se sua alma não é pequena!"
Sou apaixonada pelo autêntico e vibro quando alguém faz alguma coisa diferente, mesmo que isso não faça parte de um contexto lógico. Na última festa que fomos, nesse fim-de-semana, os anfitriões inovaram servindo Currywurst - eu amo currywurst e tinha muito tempo que não comia - Eles tinham acabado de voltar de Constança na Alemanha e resolveram de última hora, servir junto com o churrasco. Aprendi mil receitas novas "ao minuto" e voltei totalmente inspirada para casa. 

Salada de tomates cereja com mossarela & Salada de polvo 

Currywurst com batata-frita

Lembrei do nosso "Frango a Passarinho."

Peperoni-Antipasti sem pele... DELÍCIA!!!


É maravilhoso receber, mas o melhor de tudo é poder retribuir o amor que recebemos. 

Herzlichen Dank Herr und Frau Sa­voir-vi­v­re!


E viva... finalmente chegou o verão!!!

domingo, 17 de junho de 2012

Saudações Calorosas!

Ontem o calor foi tanto, que para sentar na varanda, às 19:00, tive que ligar o ventilador - eu me nego a servir churrasco na sala - dias de calor tem que ser comemorado com máxima plenitude. 
  • Drink super refrescante: Ginger Ale, àgua tônica, limão e muito gelo - também fica ótimo com gim.  
  • Meu livro do momento: O poder da auto-disciplina/Brian Tracy - Já entrou pra minha lista dos melhores!  
Chegar em casa exausta por causa do calor e morta de fome - depois de ter nadado tanto - só há uma solução para ficar bem calminha e feliz: Preparar tudo antes para ter o minímo de trabalho depois.
  • Para seu churrasco ser bem fácil, deixe a carne no ponto de grelhar, já temperada na geladeira e enrolada no papel aluminío - a cor fica muito mais intensa e vc pode jogar o papel fora, sem ter que lavar o recipiente depois, melado de óleo. 
  • Escolho sempre um corte de carne não muito grande e macio - cordeiro foi a minha opção de ontem: 12 minutos na grelha e tudo resolvido. 
  • As batatas você pode cozinhar antes e somente aquecer no grill - quando estiver grelhando a carne. 
  • O molho eu preparo na hora que a carne está assando.   Depois é só servir, deliciar-se com aquele expresso e adormecer na varanda ;-)


Que sustoooo... olha só o que estava escondido embaixo do "Juniperus," super bem camuflado: 
Os sapos só permanecem em locais que propiciam um bom meio ambiente - que orgulho eu senti do meu jardim!!! 

O SAPO E O MEIO AMBIENTE 
"Sapos desempenham um papel muito importante no meio ambiente para o grupo de animais e plantam que vivem ao redor deles. Da mesma maneira que você é importante para a sua comunidade, eles são importantes para a comunidade deles, porque eles têm uma função que ajuda o meio ambiente a permanecer em equilíbrio. Assim como você tem suas obrigações (como ir à escola, por exemplo), os sapos também têm as deles. A função dos sapos é controlar a população de insetos. Quando falamos sobre o tipo de área em que os sapos vivem - como os rios, os pequenos riachos, as árvores ou o deserto - estamos falando do hábitat deles.O seu hábitat pode ser uma cidade grande, pequena ou mesmo uma área rural. Quando descrevemos a área em que o sapo habita e a vegetação existente no mesmo cenário, estamos falando de ecossistema. Cada planta ou animal de um ecossistema tem um trabalho a fazer, o que é fundamental para que nosso Planeta permaneça em equilíbrio.
Nas suas comunidades os sapos desempenham importante papel de predadores na cadeia alimentar. A Cadeia Alimentar é uma seqüência de plantas e animais, cada um servindo como um elo. Por exemplo: os gafanhotos comem as plantas, os sapos comem os gafanhotos e as cobras comem os sapos. Isso ajuda a manter o equilíbrio natural entre animais e plantas na Natureza. Cada criatura apenas pega aquilo de que realmente precisa.Veja a ilustração abaixo pra entender melhor como funciona a Cadeia Alimentar: 


Como dissemos acima, um dos importantes trabalhos dos sapos é evitar a superpopulação de insetos. Quando um sapo é retirado de seu hábitat pelos humanos, a população de insetos cresce. Áreas onde os sapos foram retirados enfrentam problemas de invasão de milhares de insetos, que acabam com as plantações. Freqüentemente fazendeiros usam inseticidas pra acabar com eles. Pesticidas (ou inseticidas) são produtos químicos usados para acabar com os insetos, mas quando chove, esses pesticidas vão para os rios e riachos e ficam na terra, envenenando muitos animais, inclusive sapos e seres humanos. 
Você já sabe que a pele dos sapos é permeável, por isso eles sofrem muito com a poluição. Os ovos de sapo também são permeáveis, o que significa que os girinos também ficam expostos ao perigo. 
Seja amigo dos sapos! Aprenda mais sobre como lutar contra a poluição e manter nosso Planeta limpo! Adote um riacho, ou um pedaço de terra e lute para mantê-lo limpo de poluição. Se você não mora perto de um, ao ver lixo na rua ou em parques, recolha. Isso vai dar exemplo para outras pessoas e evitar que mais esse lixo chegue aos rios ou mesmo ao oceano." 
Fonte: apasfa.org





sexta-feira, 15 de junho de 2012

Cada minuto livre no lago

A costa do Lago de Zurique, convida ao banho e ao lazer... aproveito cada minuto livre para ir nadar no lago. Esse é o meu "caminho das pedras" que fica a cinco minutos de casa. 

***
Minha praia favorita - por causa do Kiosk que fica na beira do lago com direito a vista para os alpes :-)  
A vista é única quando você está nadando: De um lado Zurique, do outro os alpes.
As praias lacustres são extraordinárias no lago de Zurique - nadar em rios ou lagos, faz parte do cotidiano suíço.
Receita minuto perfeita para dias quentes: Salada de abacate com tomantes, temperada com balsamico de modena. E viva o abacate!

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Feijão Maravilha!!!


Ontem, cheguei em casa morrendo de fome e louca para comer feijão - mal me lembro da última vez que fiz feijão em casa. Resolvi pagar pra ver - coloquei para cozinhar na pressão e para minha surpresa, deu certíssimo! Que sorte, eu pensei... passei anos sem cozinhar feijão com mais frequência, pelo fato de ter que deixar de molho antes e somente  depois de 20 anos morando aqui, descubro isso. Ah, descobri também aonde comprar feijão-de-corda - o melhor feijão do mundo - no COOP. Sempre pensei que feijão-de-corda, não fosse ficar legal, se deixasse cozinhar no caldo - grande engano - ficou perfeito! Mandei ver molho de pimenta, e não sobrou um único grão. Dá próxima vez vou congelar - se sobrar - e tentar integrá-lo a minha adorada cozinha ao minuto.



quarta-feira, 13 de junho de 2012

Grand Café al Porto em Lugano

Um dos meus hobbys é visitar cafés e confeiterias históricas pelo mundo. Quando comecei esse blog, falar desse grande prazer, era um dos meus grandes desejos. De volta da minha última viagem à Paris e ainda sonhando com tudo que tinha provado por lá, ensaiei inúmeras vezes um texto sobre o assunto, mas o cotidiano sempre vencia e meu Blog acabou virando um diário - descobri que tinha muito mais vontade de falar do que me vinha a mente, sem planejar muito. 

Mas por acaso, através desse Blog: Terráqueo, descobri que no Rio de Janeiro também temos uma Confeitaria histórica belíssima e fiquei fascinada - nunca visitei nada igual no Brasil.
"1894 – O Rio de Janeiro de D.Pedro II possuía ruas estreitas onde mal podiam circular os bondes. Quem frequentava as ruas elegantes do Centro eram homens de negócios, “donas e doninhas galantes”, grupos de músicos ambulantes,jovens vendedores de balas. Numa exibição diária de elegância e luxo, matéria- prima para os cronistas, avidamente lidos e apreciados pelas minuciosas descrições dos belos trajes.Em setembro de 1894, Lebrão e seu sócio Joaquim Meirelles deram à cidade e ao país o mais elegante estabelecimento comercial de luxuosa decoração e riqueza, só comparável às confeitarias de Paris ou Londres: a Confeitaria Colombo." Fonte: Confeitaria Colombo

Enfim, hoje me deu uma vontade enorme de começar a escrever sobre isso. Um dos meus cafés favoritos na Suíça se encontra em Lugano Grand Café al Porto  e foi reinaugurado  depois de uma grande restauração  no ano 2000. A Confeitaria é maravilhosa e ninguém consegue imaginar que há alguns anos apenas, o local era completamente diferente. Outro detalhe interessante, o grupo Al-Porto, apartir do ano de 1996 começou a ser gerenciado por um austríaco e foge completamente as regras dos tradicionais cafés Suíços. Sentar no pequeno terraço da Via Pessina, para degustar um fortíssimo expresso ticinese, vai te fazer voltar amico!

 Claro que escolhi a torta de framboesa :-) alguma dúvida?
Foto: Alessandra

***


                                  Fotos: Google

terça-feira, 12 de junho de 2012

O amor está no ar :-)


Hoje é dia dos namorados no Brasil e o amor está no ar...


Just the way you are - sou apaixonada por essa música :-) Sinto vontade de dançar horas.

...mil lembranças

...fala tudo

...me emociona

...o amor está no ar

...adorável!

...me sinto livre

...talvez as mais "fatais" de todas... 

...sem palavras!

***
O Amor
Kahlil Gibran

Então, Almitra disse: “Fala-nos do amor.”
E ele ergueu a fronte e olhou para a multidão,
e um silêncio caiu sobre todos, e com uma voz forte, disse:
Quando o amor vos chamar, segui-o,
Embora seus caminhos sejam agrestes e escarpados;
E quando ele vos envolver com suas asas, cedei-lhe,
Embora a espada oculta na sua plumagem possa ferir-vos;
E quando ele vos falar, acreditai nele,
Embora sua voz possa despedaçar vossos sonhos
Como o vento devasta o jardim.
Pois, da mesma forma que o amor vos coroa,
Assim ele vos crucifica.
E da mesma forma que contribui para vosso crescimento,
Trabalha para vossa queda.
E da mesma forma que alcança vossa altura
E acaricia vossos ramos mais tenros que se embalam ao sol,
Assim também desce até vossas raízes
E as sacode no seu apego à terra.
Como feixes de trigo, ele vos aperta junto ao seu coração.
Ele vos debulha para expor vossa nudez.
Ele vos peneira para libertar-vos das palhas.
Ele vos mói até a extrema brancura.
Ele vos amassa até que vos torneis maleáveis.
Então, ele vos leva ao fogo sagrado e vos transforma
No pão místico do banquete divino.
Todas essas coisas, o amor operará em vós
Para que conheçais os segredos de vossos corações
E, com esse conhecimento,
Vos convertais no pão místico do banquete divino.
Todavia, se no vosso temor,
Procurardes somente a paz do amor e o gozo do amor,
Então seria melhor para vós que cobrísseis vossa nudez
E abandonásseis a eira do amor,
Para entrar num mundo sem estações,
Onde rireis, mas não todos os vossos risos,
E chorareis, mas não todas as vossas lágrimas.
O amor nada dá senão de si próprio
E nada recebe senão de si próprio.
O amor não possui, nem se deixa possuir.
Porque o amor basta-se a si mesmo.
Quando um de vós ama, que não diga:
“Deus está no meu coração”,
Mas que diga antes:
"Eu estou no coração de Deus”.
E não imagineis que possais dirigir o curso do amor,
Pois o amor, se vos achar dignos,
Determinará ele próprio o vosso curso.
O amor não tem outro desejo
Senão o de atingir a sua plenitude.
Se, contudo, amardes e precisardes ter desejos,
Sejam estes os vossos desejos:
De vos diluirdes no amor e serdes como um riacho
Que canta sua melodia para a noite;
De conhecerdes a dor de sentir ternura demasiada;
De ficardes feridos por vossa própria compreensão do amor
E de sangrardes de boa vontade e com alegria;
De acordardes na aurora com o coração alado
E agradecerdes por um novo dia de amor;
De descansardes ao meio-dia
E meditardes sobre o êxtase do amor;
De voltardes para casa à noite com gratidão;
E de adormecerdes com uma prece no coração para o bem-amado, e nos lábios uma canção de bem-aventurança.

segunda-feira, 11 de junho de 2012

Para a Moça das Papoulas

A Primeira Papoula do Meu Jardim Maio/2012


"O príncipezinho arrancou também, não sem um pouco de melancolia, os últimos rebentos de baobá. Ele julgava nunca mais voltar. Mas todos esses trabalhos familiares lhe pareceram, aquela manhã, extremamente doces. E, quando regou pela primeira vez a flor, e se dispunha a colocá-la sob a redoma, percebeu que estava com vontade de chorar.
- Adeus, disse ele a flor.
Mas a flor não respondeu.
- Adeus, repetiu ele.
A flor tossiu. Mas não era por causa do resfriado.
- Eu fui uma tola, disse por fim. Peço-te perdão. Trata de ser feliz.
A ausência de censuras o surpreendeu. Ficou parado, inteiramente sem jeito, com a redoma no ar. Não podia compreender essa calma doçura.
- É claro que eu te amo, disse-lhe a flor. Foi por minha culpa que não soubeste de nada. Isso não tem importância. Foste tão tolo quanto eu. Trata de ser feliz... Mas pode deixar em paz a redoma. Não preciso mais dela.
Pedra encontrada no meu jardim em forma de coração Maio/2012


- Mas o vento...
- Não estou assim tão resfriada... O ar fresco da noite me fará bem. Eu sou uma flor.
- Mas os bichos...
Papaver "Beauty of Livermere" em homenagem  a Moça das Papoulas
Meu Jardim Maio/2012


- É preciso que eu suporte duas ou três larvas se quiser conhecer as borboletas. Dizem que são tão belas! Do contrário, quem virá visitar-me? Tu estarás longe... Quanto aos bichos grandes, não tenho medo deles. Eu tenho as minhas garras.
E ela mostrava ingenuamente seus quatro espinhos. Em seguida acrescentou :
- Não demores assim, que é exasperante. Tu decidiste partir. Vai-te embora !
Pois ela não queria que ele a visse chorar. Era uma flor muito orgulhosa..."
Trecho extraído do Livro: O Pequeno Príncipe 


LOVE




quarta-feira, 6 de junho de 2012

Celebre-se todos os dias!

Quando você se da conta que a vida vai passando e a felicidade começa a ser adiada, procure pela sua autenticidade máxima de volta. Nada pode ser mais importante na vida do que você. Para dar amor, é preciso sentir amor. Para ver a verdade, é preciso viver a sua verdade. Crie uma relação de amor contigo - seja para você mesmo, aquilo que você gostaria que alguém fosse na sua vida, e viva cada dia dando o melhor de si em todos os momentos. Nenhuma mudança começa de fora pra dentro; se sua autoestima ainda não tem o poder de fazer, com que você seja sempre a pessoa mais importante do mundo para você - em todos os momentos e em todos os sentidos - você talvez nunca consiga ser a pessoa mais importante para alguém

Nenhuma religião conseguirá fazer isso por você, pois essa mudança terá que vir de "dentro pra fora e nunca de fora pra dentro" e dure talvez uma vida inteira. A mensagem é sempre a mesma, ame a ti mesmo, conheça a sua verdade, busque Deus em todas as coisas... eu acredito que Deus está em tudo que você faça com amor; o amor é Deus. Ele é insondável, por mais que os fundamentalistas religiosos tentem provar o contrário, ou os homens que se julgam os mais espiritualizados do planeta - Deus é, foi e continua sendo absolutamente imperscrutável, inexplicável. Tudo que te for apresentado, afirmado como "o certo" ou absolutamente verdadeiro, chegando ao ponto de ser indiscutível é dogma, e para mim completamente desinteressante. 


A única mudança que realmente faz a diferença, é aquela que você mesma conquistou e conseguiu dentro de você. Eu noto, que as pessoas que exercitam esse tipo de pensamento, tem geralmente resultados excelentes em vários sentidos, além de ser tornarem super agradáveis de se conviver. 

Uma das mudanças mais radicais que presenciei na minha vida, foi quando descobri a força que existia dentro de cada palavra e pensamento que escolhemos. Mas antes de conseguir escolher os pesamentos e palavras certas, é preciso aprender a se amar de verdade e conhecer a sua verdade. "O verdadeiro conhecimento vem de dentro." Socrátes.

Um dos meus livros do coração é Você pode curar a sua vida de Louise Hay. Ele foi um grande divisor de àguas na minha vida. Celebre-se todos dias, você merece!!!
Imagens: Google







Parkhaus Ópera


E Finalmente, depois de alguns meses de atraso,  foi inagurado em Zurique, o estacionamento Parkhaus Ópera em maio de 2012.  A praça da frente ainda não está pronta, mas o resultado não poderia ter ficado melhor. 


Durante a construção do estaciomento, foram encontradas valiosas peças arqueológicas - motivo do atraso - algumas estimadas em até 5000 mil anos. O tempo era limitado, mas as escavações continuaram.  


 Montaram uma exposição permanente na Parkhaus, com alguns dos achados arqueológicos - muito original.
Com várias projeções de vídios nas paredes, você já se sente meio que em um espetáculo :-) 

A iluminação ficou perfeita! Até mesmo as marcações do piso, foram bem arranjadas, sem deixar de fazer as conexões funcionais necessárias. Quando você caminha e olha pro chão, parece que tudo está  te levando aonde você quer chegar. 

Ao lado da òpera,  a Brasserie Schiller e o maravilhoso Goethe Bar , ganharam um o novo terraço do lado de fora. Além de ser super prático, quando vc marca com alguém, o ambiente é envolvente... No Goethe Bar, descobri um drinque delicioso: Rossini - polpa de morango com Prosecco. 
Brasserie Schiller
Goethestrasse 10
8001 Zürich
Tel: 044 222 20 30
Fax: 044 222 20 33

info@brasserie-schiller.ch
www.brasserie-schiller.ch
A área da praça Sechseläuten inclui aproximadamente 16'000 m2 - que será a maior praça de uma cidade na Suíça.
Bravo Zurique!